Dicas e Informações

Troca das Lâmpadas

A substituição das lâmpadas deve ser realizada após 8.000 horas de uso, aproximadamente a cada 10 a 11 meses. Após este período, a camada de fósforo no interior das lâmpadas se deteriora, fazendo com que a quantidade de luz ultravioleta emitida seja insuficiente para atrair insetos.

Esta troca se faz necessária mesmo se as lâmpadas estiverem funcionando “aparentemente normal” pois, como os raios UV-A não são perceptíveis aos olhos humanos, haverá uma redução significativa na atratividade aos insetos. Em geral, as lâmpadas UV-A perdem cerca de 40% do seu poder de atração após 8.000 horas de uso.

Substituição das Placas Adesivas

As placas adesivas devem ser substituídas por um novo Refil Adesivo quando estiverem com cerca de 70% da sua superfície coberta por insetos ou se perderem a aderência. Normalmente isso ocorre a cada 10 a 15 dias de uso.

A presença de pó ou poeira poderá comprometer a sua eficiência e reduzir a vida útil da placa adesiva.

Para limpar as áreas e locais sujos pelo adesivo da placa, utilize um pano umedecido em óleo ou detergente multiuso (Veja Multiuso). Nunca utilize Thinner, gasolina ou similares, pois poderão danificar a armadilha.

Você pode também adquirir o KIT DE HIGIENIZAÇÃO ULTRALIGHT, que contém um Flotador especial à base de produtos naturais (SEVENGEL) que ajuda na limpeza e conservação da sua armadilha. 

 

Troca do Protetor de Lâmpadas (PETG)

Recomenda-se a substituição do Protetor de Lâmpadas (PETG) sempre que realizar a troca das lâmpadas. Durante o uso de sua armadilha luminosa, ocorre o desgaste natural do Protetor, provocado pela incidência direta dos raios UV-A.

A peça de PETG, que inicialmente é transparente, torna-se opaca e com a tonalidade ligeiramente amarelada, dificultando a passagem da luz. Estima-se que a armadilha perca em torno de 40% de eficiência após 8.000 horas de uso, em consequência do "amarelamento" do Protetor de Lâmpadas. Por isso, substitua o Protetor (PETG) sempre ao fazer a troca das lâmpadas UV-A.​

Recomendações para instalação

  • Escolha o local de maior incidência de insetos;
  • Instale a armadilha a uma altura média de 1,5 a 1,8 metros;
  • Instale a armadilha em áreas próximas ao lixo ou outros atrativos;
  • Não instale a armadilha em frente a janelas ou muito próximo a outras fontes de luz;
  • Não instale a armadilha em locais com possibilidades de chuva ou vazamentos;
  • Não instale a armadilha na presença de gases ou líquidos inflamáveis;
  • Não utilize armadilhas adesivas na presença de poeira ou pó.

Como os insetos enxergam a luz?

As armadilhas luminosas utilizam lâmpadas UV-A, conhecidas como Luz Negra, que possuem pico de luz de 365 nanômetros. Esta é a faixa maior atração aos insetos fototrópicos positivos (tais como moscas domésticas, varejeiras, abelhas, mosquitos, besouros, mariposas e outros), no entanto, a luz UV-A não é visível para os seres humanos.

Cada espécie de animal possui uma sensibilidade e maneira diferente de enxergar a luz. Cada tonalidade que enxergamos é um raio com frequência de onda específica, que varia de 400 nanômetros (violeta) a 700 nanômetros (vermelho). Entretanto, os insetos possuem maior sensibilidade e enxergam mais a luz ultravioleta, que varia de 300 a 400 nanômetros.

 

Quais insetos são atraídos pela luz UV-A (luz negra)?

As armadilhas luminosas Ultralight utilizam lâmpadas UV-A, conhecidas como Luz Negra ou Black Light, que emitem luz na faixa entre 300 a 400 nanômetros, com pico de onda de 365 nanômetros. A luz UV-A não é visível para o ser humano, e por isso não é possível identificar a olho nu se a lâmpada de sua armadilha ainda está adequada ou não para o uso, mesmo que aparentemente ela parece estar em boas condições. Por esse motivo as lâmpadas devem ser substituídas a cada 10 a 11 meses de uso.

 

A maioria dos insetos voadores possui sensibilidade e são atraídos pela luz UV-A, por isso são conhecidos como insetos fotossensíveis ou fototrópicos positivos, entre eles estão a mosca doméstica, varejeira, mosca da fruta, mosca do chifre, abelhas e vespas, mosquitos, besouros, cupins na fase alada e a maioria das mariposas e insetos de hábitos noturnos.